Portos e Terminais: Belém | Miramar
|  Outeiro
| Vila do Conde | Santarém | Itaituba | Óbidos | Altamira | São Francisco | Marabá
Voltar Principal
Home
Menu
Informações Institucionais
»
Serviços
»
Legislação
»
Informações Operacionais
»
Editais de Licitação
»
Contatos Úteis
»
Relatório de Gestão
Acompanhamento de Gestão
Processos de Contas Anuais
Demonstrativos Contábeis
ISPS-CODE
Museu do Porto
Galeria de fotos
Links
Acesso rápido
.:
SCAP
SISPROL
Web Mail
Programação de Navios
Tábua das Marés
PDZ
Espadarte
Downloads
Informativo Docas do Pará
CIPA
PEAT - Porto de Santarém
ISMAS
Artigos
Histórico
Porto de Belém
Porto de Vila do Conde
 
Plano de Educação Ambiental
Clique aqui para baixar vídeo
Plano de Educação Ambiental para o Porto de Santarém

Em atendimento à Lei nº 9.9667/00, a CDP elaborou para cada porto o Projeto de Gerenciamento de Resíduos - PGR e os submeteu à aprovação da SECTAM a qual, após análise, solicitou a implantação dos mesmos. Para o sucesso dos Projetos é primordial sejam cumpridas todas as etapas previstas no cronograma, principalmente no que se refere às atividades de treinamento e implantação dos Planos de Educação Ambiental - PEA´s, ferramentas imprescindíveis à consecução do projeto.

A CDP em parceria com a Fundação Esperança – FE elaborou e implantou o Plano de Educação Ambiental para Todos - PEAT que tem como objetivo sensibilizar e capacitar os usuários e tripulação das embarcações a promoverem a coleta seletiva no Porto de Santarém.

A Fundação desenvolveu suas atividades voltadas aos objetivos e metas estabelecidas no Plano, realizou um pós-teste e pré-teste com o intuito de avaliar, de forma estatística, as melhorias ocorridas desde a implantação do PEAT. Os resultados foram surpreendentes, conforme verificamos nos Relatórios de Avaliação Anual 2003/2006, no qual os atores envolvidos no Porto de Santarém conseguem responder com clareza as questões pertinentes à reciclagem e o significado dos 3 R’s, aumentando o número de pessoas que praticam a coleta seletiva no porto.

O PEAT tem como objetivo sensibilizar os usuários e tripulações das embarcações a promoverem a coleta seletiva e, conseqüentemente, a melhora da qualidade de vida da população santarena e como específicos:
• Incentivar a participação das escolas municipais na questão ambiental;
• Propiciar aos voluntários, condições de desenvolverem seus conhecimentos quanto as ações propostas;
• Sensibilizar as pessoas de embarcações fluviais, quanto a importância do meio ambiente;
• Formar multiplicadores para atuarem nas escolas municipais;
• Capacitar funcionários e usuários do porto para Educação Ambiental;
• Envolver todos os segmentos nas atividades do PEAT.

ATORES ENVOLVIDOS NO PROJETO:

• Associação das mulheres do bairro do Aeroporto Velho;
• Tripulação e usuários de embarcações fluviais;
• Funcionários da CDP;
• Associação dos carregadores de bagagem;
• Associação de taxistas;
• Vendedores de lanche e bilhetes de passagem;
• Funcionários de empresas arrendadas;
• Trabalhadores avulsos do OGMO (Órgão Gestor de Mão-de-Obra);
• Alunos do curso técnico em Meio Ambiente do CEPTE;
• Associação das artesãs;
• Escolas municipais.

O Projeto é desenvolvido através de um Plano de Ação anual, e para alcançar seus objetivos e as metas propostas é necessário que se construa estratégias eficazes de informações, orientações, treinamentos e capacitação através dos seguintes programas:
Programa de Capacitação – PC: tem como objetivo promover informações ambientais através de cursos específicos para todos os atores envolvidos no porto. Os cursos são selecionados conforme às sugestões dos participantes, atendendo assim a necessidade de cada grupo de atores envolvidos no PEAT.
• Para artesãs: reciclagem de papel, confecção de embalagem,
• Vendedores de lanches: aprimoramento de alimentos e gestão de negócios,
• OGMO: Planejamento familiar e prevenção de Alcoolismo,
• Taxistas: gestão de negócios e relação interpessoal e
• Funcionários da CDP: legislação ambiental, relação interpessoal e NR 29, com resultados refletindo no seu cotidiano.

Os cursos refletem o cotidiano de cada ator envolvido no porto, a exemplo disto foi o curso ministrado para as quatro artesãs existentes no porto, o que foi estendido para 15, dessas 03 eram representantes de Associações de Bairro, fora da área de influência do Porto de Santarém. Hoje, já repassaram para a comunidade e vendem o artesanato, garantindo assim, uma fonte de trabalho e renda. Isto retrata o papel da CDP no programa de responsabilidade social.

Programa de Sensibilização – PS: tem como objetivo educar e sensibilizar os passageiros e tripulações das embarcações fluviais a exercerem a cidadania respeitando o meio ambiente e preservando os recursos naturais. A metodologia utilizada é a abordagem direta utilizando-se folders, cartazes e cartilhas alusivas à questão ambiental.

Programa de Avaliação – PA: tem como objetivo divulgar as ações do PEAT através de palestras elaboradas pelos estagiários da Fundação Esperança para serem ministrados em escolas.

Projeto CDP na ESCOLA: tem como objetivo empreender ações que propiciem o desenvolvimento de uma postura crítica diante da conservação e preservação do meio ambiente. Este projeto, além de atender aos objetivos mais imediatos desta Companhia, manterá 71 crianças de 1° série (com 08 anos de idade) desenvolvendo atividades extra-curriculares, e distanciadas dos riscos iminentes da violência e do envolvimento com drogas. Trata-se de crianças que moram num bairro carente de oportunidades e com histórico de violência, enfim que fazem parte do contexto de exclusão social. Nesse contexto a Escola Municipal “Sofie Embiriba” foi escolhida por estar localizada no entorno do porto e em um bairro de risco social. As atividades apresentadas no projeto visam fornecer aos alunos, alternativas para dinamizar o ambiente educativo, oportunizando o desenvolvimento de hábitos e atitudes de respeito ao homem e a natureza, através da implementação de práticas ambientais sustentáveis e responsáveis, atividades esportivas para estimular seu desenvolvimento, e artísticas para criar a conscientização e disseminação das informações nas escolas. Vale ressaltar que o projeto também propicia ao professor capacitação e o incentiva a desenvolver recursos didáticos que estimule os alunos a se desenvolverem num processo de construção de cidadania.

Belém, 08 de março de 2007.

ASPLAN - Assessoria de Planejamento Estratégico

Clique aqui para baixar vídeo

Companhia Docas do Pará - Autoridade Portuária
Av. Presidente Vargas, 41,CEP 66010-000, Belém - Pará - Brasil Tel: (91) 3182-9000
CNPJ: 04.933.552/0001-03
E-mail:asscom@cdp.com.br